a imponência do Sagres



O veleiro Sagres em manobra numa das suas escalas à Madeira. Na fotografia, propositadamente não inclui o rebocador que apoia o navio nesta manobra de viragem de 180 graus no interior do Porto do Funchal. Na realidade, a manobrabilidade deste tipo de embarcações é muito limitada. Admito que este navio-escola da Marinha Portuguesa não disponha de apoios como os bow thrusters, que auxiliam os navios nestas manobras e os tornam autónomos.

0 comentários:

Enviar um comentário

Olá,

obrigado pelo seu comentário e volte sempre